O que é cibersegurança?

Cibersegurança refere-se ao uso de arquitetura de rede, software e outras tecnologias para proteger organizações e indivíduos contra ciberataques. O objetivo da cibersegurança é prevenir ou mitigar danos ou destruição de redes de computadores, aplicativos, dispositivos e dados.

 

SOLICITAR DEMONSTRAÇÃO Relatório de Segurança

O que é cibersegurança?

A cibersegurança deve ser um requisito, não um elemento opcional

Para que a estratégia de cibersegurança seja bem-sucedida, ela deve evoluir continuamente para acompanhar as estratégias e tecnologias em constante mudança usadas por hackers. Mais importante, isso requer um esforço multifacetado que inclui gerenciamento de segurança para melhor monitoramento e visibilidade; proteções na nuvem para todos os ambientes; segurança móvel para acompanhar o negócio para onde quer que ele vá; tecnologia antirransomware e de prevenção de ameaças; e dispositivos de segurança que se expandem conforme a demanda do negócio, acompanhando as necessidades de cibersegurança atuais e futuras.

 

Os criminosos cibernéticos constantemente aprimoram suas habilidades, desenvolvendo suas ferramentas e táticas. Ao mesmo tempo, as tecnologias e os aplicativos nos quais confiamos diariamente também estão mudando e, às vezes, isso é sinônimo de novas vulnerabilidades. Embora possamos implantar patches e atualizações, usar firewalls e programas antimalware, a verdadeira cibersegurança requer uma abordagem holística em evolução, concentrando-se na prevenção, e não na detecção.

Com uma infraestrutura segura, além de manter sua organização a salvo de danos. Você também é capaz de fomentar a inovação e acelerar o valor comercial.

Principais vantagens

  • Promover a inovação ao garantir uma colaboração mais segura em todos os ambientes, incluindo nuvem e dispositivos móveis
  • Dimensionar de forma inteligente e segura
  • Evitar violações de dados e outros ciberataques que possam reduzir o valor ou prejudicar seu negócio – por exemplo, a Verizon comprou o Yahoo por US$ 350 milhões a menos do que seu preço original por causa das violações de dados da empresa.

 

Princípios de cibersegurança

  • A cibersegurança no local não se estende automaticamente para a nuvem ou os dispositivos móveis – certifique-se de que você está seguro em todas as plataformas
  •  O cumprimento das regulamentações não fornece segurança suficiente – a conformidade geralmente significa que você abordou apenas o básico
  • A cibersegurança móvel não deve ser considerada como algo garantido: ataques móveis estão em ascensão e o gerenciamento de dispositivos móveis (mobile device management, MDM) não se aprofunda o suficiente para fornecer proteção

Recomendações

Além de ter a tecnologia e a infraestrutura certas para proteger sua organização, siga estes sete passos para garantir uma postura de cibersegurança consistente.

1.   Avalie seu cenário atual. Conheça seus pontos fracos, onde seus dados e ativos estão localizados, quais proteções estão em vigor, a eficácia das suas soluções de segurança e a prontidão da sua organização para se defender.

2.   Desenvolva um plano. Organize seus recursos para traçar um plano claro de cibersegurança que inclua políticas e níveis de acesso, bem como o que fazer no caso de uma violação. Identifique as etapas de contenção e o que será necessário para abordar o incidente e avançar.

3.   Simplifique o gerenciamento de segurança. Consolide funções, segmentos e ambientes em uma arquitetura. Ao fazer isso, você será capaz de planejar operações bem-sucedidas e realizar uma coordenação integrada das políticas em todos os segmentos da rede.

4.   Proteja o básico Implante patches e atualizações assim que estiverem disponíveis.

5.   Use as tecnologias certas. Procure soluções que:

  • Investiguem qualquer tipo de arquivo recebido Tenham a maior taxa de captura
  • Identifiquem ameaças de dia zero dentro e além do sistema operacional
  • Incluam recursos aprofundados de área restrita no nível do SO e da CPU para detectar e bloquear malware; e extração de ameaça para reconstruir documentos recebidos
  • Entreguem documentos com segurança, sem malware nem atrasos
  • Sejam multicamadas para coordenar automaticamente entre diferentes proteções, como prevenção de ameaças avançada, gateway de segurança, controle de aplicativos, antivírus, reconhecimento de identidade, prevenção contra invasões e filtragem de URL

6.   Defenda e treine. As estratégias de cibersegurança mais bem-sucedidas dependem de cinco proteções principais:

  • Criptografia – Certifique-se de que os dados só estejam visíveis para pessoas autorizadas.
  • Freios e contrapesos – As permissões não são todas do mesmo tamanho. Mantenha o acesso aos dados conforme a necessidade de conhecimento, de acordo com permissões predefinidas.
  • Educação – Ajude os funcionários a entender comportamentos de risco, quais informações precisam ser protegidas e o que fazer para não se tornar vítima de spearphishing.
  • Separação de dispositivos móveis – Crie uma barreira entre dados sigilosos profissionais e pessoais. Isso torna mais simples e mais ágil o gerenciamento de sua cibersegurança móvel do que contar com vários dispositivos e políticas.
  • Treinamento – Certifique-se de que sua equipe de TI esteja preparada para entender e reconhecer as tendências emergentes no crime cibernético. Realize simulações e exercícios para ajudar a equipe a pensar como hackers para que ela saiba como reagir e responder durante um ataque.

7.   Saiba como responder. Quanto mais preparada sua organização estiver para um ciberataque, mais rápido e menos dispendioso será contê-lo e eliminá-lo. Elabore um plano de cibersegurança e, se ocorrer um ataque, avalie a situação imediatamente. Registre todos os detalhes e compartilhe estas informações com todas as pessoas designadas em seu plano de segurança geral, incluindo o conselho.

 

Recursos Recomendados